7 Dicas de Gestão Empresarial: sua empresa mais forte e organizada

Gestão Empresarial

Começar uma empresa do zero não é tarefa fácil. Por mais experiência de mercado que o empreendedor tenha, cada negócio tem suas próprias peculiaridades e é preciso ficar atento a todos os detalhes, como processos de vendas, ações de marketing, finanças, automação de processos, etc., e conferir que tudo está em conformidade.

O Negocie fez uma seleção das melhores práticas de gestão empresarial para que você possa gerir o seu negócio com organização e foco no crescimento. Confira:

Gestão para sua empresa crescer

#1 Planeje e acompanhe as atividades

Uma das maneiras mais eficazes de gerenciar um negócio é fazer o planejamento e o controle das atividades. É claro que você não pode gerenciar todas as áreas da sua empresa sozinho. Para isso, o ideal é contratar profissionais especializados para cada área específica.

Você também pode criar uma cartilha de processos e boas práticas para reunir todos os padrões a serem seguidos na gestão de projetos ou adotar pequenas iniciativas práticas e eficientes, como:

  • Definir os processos e atribuir as responsabilidades aos membros da equipe;
  • Criar cronogramas junto com sua equipe e montar um quadro com as atividades;
  • Defina uma Plano B para as atividades importantes e planos B, C e D para atividades críticas;
  • Automatize o processo e aposte em programas como o Microsoft Project, para criar cronogramas, ou aplicativos Timesheet, como o My Hours ou o HoursTracker, que contabilizam as horas gastas pelos colaboradores para executar determinada tarefa.

 

Mas não se esqueça: automatizar é bom, mas nada melhor do que unir a tecnologia com o trabalho humanizado. Então, não exagere no uso dos programas.

 

#2 Gerencie as compras e o estoque

Muitas empresas, quando começam a vender mais, acabam se acomodando em relação ao controle de estoque e à administração de compras de insumos, preferindo fazer os pedidos apenas quando o estoque já está no fim.

Mas um bom gerenciamento de compras e estoque pode otimizar a administração dos custos e questões contábeis, além de obviamente evitar que você fique sem estoque e deixe de vender os produtos que seus clientes mais compram.

A estratégia pode avaliar a quantidade de desperdício de matéria-prima, por exemplo, ou questões como demanda, sobrecontratação de serviços e aquisições de produtos de baixa qualidade, que muitas vezes passam despercebidos e podem ser uma desagradável surpresa nas finanças no fim do mês.

Também é importante avaliar as ações de marketing feitas pela sua empresa para tentar aferir com mais precisão o retorno das ações e o investimento nas diferentes mídias/canais. Mesmo que esse serviço seja feito por terceiros, é possível solicitar relatórios, visto que quase todo o serviço é feito online. Assim, você poderá descobrir maneiras de otimizar o uso do seu orçamento e redirecionar seus investimentos a novos canais de venda.

Reunião de Gestão Empresarial

#3 Utilize um CRM

CRM são as iniciais de Customer Relationship Management (gestão de relacionamento com o cliente). São sistemas que armazenam informações de clientes atuais e potenciais, reunindo nome, endereço, número de telefone, etc., e suas atividades de contato com a empresa, incluindo visitas ao site, ligações, troca de e-mails, entre outros dados. Com um CRM é possível gerenciar leads, acompanhar os estágios das vendas e a jornada do cliente até o fechamento do negócio. Exemplo:

Novo contato: um lead novo e que ainda não foi contatado;

Contatado e com interesse: o cliente entrou em contato e foi confirmado o interesse no produto ou serviço;

Apresentação comercial: enviar ao cliente uma apresentação comercial e onde serão colhidas informações para a elaboração de uma proposta;

Decisão pendente: o prospect está com a proposta comercial em mãos e reunirá os tomadores de decisões para conversarem a respeito;

Vitória: venda realizada;

Derrota: o cliente decidiu por não fechar negócio.

Este tipo de estruturação facilita o processo de gerenciamento tanto para os gestores quanto para os vendedores, aumentando as possibilidades de fechar a venda.

Existem muitos sistemas web e aplicativos que propiciam a gestão de relacionamento com o cliente, como o Salesforce e o Hubspot.

 

#4 Organize sua vida financeira

Muitos empreendedores vivem mergulhados em uma completa desorganização financeira, misturando finanças pessoais com empresariais, o que é um dos maiores erros na hora de gerir um negócio. Por menor que seja a sua empresa, é necessário separar as coisas.

O primeiro passo é organizar o fluxo de caixa. É possível fazer isso à moda antiga, utilizando planilhas simples para controlar o que entra e o que sai. Existem também muitos softwares de gestão que auxiliam no controle financeiro, informando datas de vencimento, o que sai, o que entra e prevendo o que deverá entrar no seu caixa. Dois deles que achamos ótimos: Controlle e Conta Azul.

Gestão Empresarial

#5 Foque na inovação

A inovação é muito importante, não somente para estar a frente do mercado e da concorrência, mas também para poupar gastos desnecessários e otimizar o tempo das tarefas, sendo uma ótima opção tanto para empreendedores quanto para colaboradores.

Hoje, é obrigação do gestor promover a inovação. Seja na melhoria de um produto ou serviço, ou nos processos dentro da empresa, é preciso inovar para manter-se competitivo.

 

#6 Estabeleça o valor do seu produto

Novos empreendedores costumam errar muito na hora de definir a margem de lucro e fixar os preços dos produtos e serviços. Não é à toa, visto que o mercado muda constantemente e novas opções surgem a todo momento, o que acaba desvalorizando produtos já existentes, que são considerados ultrapassados.

Confira aqui Como montar uma tabela de preços certeira para determinar quais serão os preços de cada produto ou serviço específico.

Lembre-se: é importante não confundir preço com valor. Confira nosso post Como criar valor para o meu produto ou serviço para saber a diferença.

 

#7 Adote estratégias de comunicação

Estratégias de comunicação devem ser adotadas em qualquer negócio, não importa o seu tamanho, seja on ou offline.

Algumas medidas criativas podem ser adotadas sem grandes custos, como, por exemplo, uma newsletter para o e-mail de prospects e clientes (que você conseguiu captar utilizando uma plataforma CRM), informando sobre novidades e promoções, além de investir muito na divulgação via redes sociais.

Outras medidas podem ser adotadas nas mídias offline, como displays em supermercados, flyers, amostras grátis e degustação, etc. As possibilidades são muitas e todas visam promover o seu negócio.

 

Com apenas algumas estratégias, sua empresa pode crescer forte e organizada e você pode desfrutar do sucesso do seu negócio sem grandes preocupações.

Alex
Alex
Aficcionado por tecnologia, está sempre pensando em como solucionar os problemas que surgem de maneira inteligente e por isso que é Co-Founder e CTO do http://negocieapp.com.br. Ama produtos Apple e um boa UX!